NEWS

KATE MOSS NA CASA-MUSEU MEDEIROS E ALMEIDA

Lembra-se de ícones como Andy Warhol e Basquiat ao lado de personalidades portuguesas como António Variações e Camões? Sim, um ano depois, a artista plástica Rueffa regressa à Casa-Museu Medeiros e Almeida com a neo pop art e uma nova exposição, “Time Lapse II”, “a mais intensa de todo o meu percurso”, palavras da própria.

Em “Time Lapse II”, patente ao público de 5 a 30 de dezembro, numa quantidade e apresentação acertadas de 10 novas obras e duas da primeira versão, Rueffa despista-nos, ao mesmo tempo que nos guia, numa coleção que prima pelo revivalismo e por se definir como uma ode ao Renascimento.

Se analisarmos com minúcia e precisão a peregrinação que Rueffa preconiza, podemos esbarrar-nos com Miguel Ângelo, Narciso, um Beethoven interativo, Salvador Dalí, uma luva de Michael Jackson – que vem no seguimento da luva de Basquiat da exposição anterior –, ou mesmo Kate Moss e Freddy Mercury, que nos deixou há 25 anos. E, como não há duas sem três, Rueffa dá-nos a conhecer a sua terceira versão de Amália Rodrigues, uma vez que a primeira e a segunda se encontram no Brasil e na Alemanha, respetivamente.

Há a possibilidade de ver esta exposição também em horário alargado, entre as 17h30 e as 20h00, de segunda-feira a sábado, sendo uma oportunidade de conviver com a artista e o seu vocabulário estético iconoclasta. Nas palavras da artista: “A minha vanguarda começa pela responsabilidade da própria criação: manter vivas todas estas personalidades”. Estão todas no número 41 da Rua Rosa Araújo, em Lisboa.

Freddy

antonio_variações

 


Sobre a artista

Rueffa nasceu em 1986, é artista plástica, licenciada em História da Arte na Universidade Nova de Lisboa (Faculdade de Ciências Sociais e Humanas) e membro da equipa de produção do atelier Relevo Ideia desde 2003. Em paralelo com o domínio artístico do pai, adquiriu várias formações técnicas: a nível de desenho, pintura, escultura, cenografia e marketing de guerrilha.

Desenvolve um vocabulário estético composto por uma contiguidade de técnicas que inclui a conjugação de materiais contemporâneos como: poliestireno, resinas polyester e fibra de vidro. A extração, pesquisa e revisitação de conceitos estéticos anteriores permitem-lhe a criação de um novo significado e a implementação de um novo discurso, que caminham no sentido de uma verdadeira identidade e individualidade artísticas.

2015 foi um ano de grande ímpeto artístico. Após a movimentada exposição New York Meets Lisbon na galeria Giv Lowe, Rueffa é convidada a criar uma parceria com a marca londrina 8DIX – conquista os corações britânicos e volta a brilhar numa das mais prestigiadas galerias de Londres: a Hoxton Gallery.

Em 2016 levou “Time Lapse” até Portugal, mais concretamente à Galeria de Exposições Temporárias da Casa-Museu Medeiros e Almeida. Após um ano de maturação, o regresso dá-se com a exposição mais intensa do seu percurso: “Time Lapse II”, patente de 5 a 30 de dezembro.

TIME LAPSE II

Morada e horário Casa-Museu Medeiros e Almeida

Rua Rosa Araújo, 41 – Lisboa

Tel. (+351) 21 354 78 92

www.casa-museumedeirosealmeida.pt

De 2.ª a 6.ª feira das 13H00 às 17H30

Sábados das 10H00 às 17H30 | Encerra aos domingos

Horário alargado das 17H30 às 20H00, de 2.ª feira a sábado, com a presença da artista plástica Rueffa.

Entrada livre

Leave a comment

Your email address will not be published.


*